uivo 3

Monday, 24 February 2014


[Nas fotos trabalhos de: Rafaela Rodrigues . Nicolau . Tina Siuda . Carolina Celas . Susana Carvalhinhos . David Penela . Marta Monteiro . Áurea Praga]

PT
A ilustração tem vindo gradualmente a assumir-se como uma nova forma de arte.
Tradicionalmente dir-se-ia que a ilustração é uma representação que, independentemente do suporte e técnica utilizada, estaria associada a um texto - de um livro, uma revista ou jornal, um cartaz - e serviria precisamente para ilustrar esse mesmo texto ou um suporte específico, transmitindo através de uma imagem não-fotográfica uma mensagem. Pode ser mais ou menos explícita, realista ou pessoal, mas à partida a ilustração, por definição, não vive por si mesma, isolada do seu contexto.

Mas este conceito está a mudar. Actualmente é comum chamar-se de ilustração uma expressão artística em forma de desenho ou pintura que se afasta do circuito tradicional da obra de arte. As obras de arte são caras, únicas, para serem expostas em Galerias - as ilustrações são geralmente mais acessíveis, são muitas vezes reproduzidas, quer em formato papel, quer transpostas para uma série de outros suportes como objectos ou acessórios (eu própria faço isso com o meu trabalho).

A ilustração agora tem valor por si própria - e não precisa sequer de estar associada a um texto ou contexto específico. Se esta definição está correcta ou  faz sentido não sei... mas também não me preocupa muito, porque a verdade é que estes trabalhos carregam mensagens e têm valor artístico em si mesmos - e talvez seja correcto afirmar que em grande parte se afastam um pouco da visão tradicional que temos da arte.
Existem até Galerias de Arte que expõem apenas ilustração - e em todo o seu esplendor, como a Ó Galeria, no Porto. Para além de permitirem levar este tipo de arte a mais gente, estes espaços contemporâneos mostram a arte como algo mais informal e acessível do que as galerias tradicionais - permitindo também divulgar e promover o trabalho de novos artistas que muitas vezes de outro modo manteriam os seus trabalhos na gaveta.

No Sábado passado fomos até ao Fórum da Maia visitar a 3ª edição da Uivo, uma mostra de ilustração de trabalhos seleccionados de alguns dos nomes mais interessantes e promissores da área. E assim a ilustração chega também a novos espaços e novos públicos. Vale a pena visitar, até 30 de Março.

EN
Illustration has gradually been assumed as a new art form.
Traditionally it would be a representation that, regardless of the medium and technique used, would be associated with a text - a book, a magazine or newspaper, a poster - and served precisely to illustrate the same text or specific object, by transmitting a message with a non-photographic image. May be more or less explicit, realistic or personal, but illustration, by definition , isn't supposed to live for itself, isolated from its context.

But this concept is changing. Currently it is common to call illustration an artistic expression in the form of drawing or painting that moves away from the traditional circuit of the artwork. Artworks are expensive, unique, only to be exhibited in galleries - illustrations are generally more affordable, are often reproduced either in paper or transposed into a number of other media as objects or accessories (I actually do this with my own work as well).

Illustration has now a value in itself - it doesn't even need to be associated with a specific text or context. If this definition is correct or makes sense I wouldn't know... but it doesn't worry me too much, because the truth is that these works carry messages and have artistic value in themselves - and perhaps it's correct to say they slightly deviate from the traditional view that we have of art.
There are even Galleries exhibiting illustration only - and in all its splendor, like Ó Galeria in Porto. These contemporary spaces also allow to take this art to more people, showing art as something more informal and accessible than traditional galleries - allowing also to promote the work of young artists who often otherwise would keep their works in the drawer.

Last Saturday we went to Fórum da Maia to visit the 3rd edition of Uivo, an exhibition of selected illustrations by some of the most interesting and promising names in the field. And so illustration also reaches new spaces and new audiences. It's worth a visit, until March 30th.

2 comments:

  1. Cool - wish I lived nearby so I could visit!

    ReplyDelete
    Replies
    1. It's a really nice exhibition, I bet you'd like it Anne ;)

      Delete

Ana Pina | blog

All rights reserved | Powered by Blogger

^