Camilo Castelo Branco

Monday, 18 March 2013

Casa de Camilo | Museu
Casa de Camilo | Museu
Casa de Camilo | Museu
Casa de Camilo | Museu Casa de Camilo | Museu
Casa de Camilo | Museu

Fez no Sábado passado, dia 16 de Março, 188 anos que nasceu Camilo Castelo Branco e eu lembrei-me que ainda não tinha partilhado por aqui as fotos da nossa visita à Casa de Camilo, já em Setembro de 2011.

Camilo Castelo Branco nasceu em Lisboa em 1825 e depois de uma vida conturbada e de prolífica produção literária, acabou por suicidar-se 65 anos depois em S. Miguel de Seide, após confirmado o estado de cegueira irreversível causado pela sífilis, na Casa construída pelo primeiro marido de Ana Plácido - a mais polémica e duradoura paixão de Camilo, pela qual enfrentou cadeia por crime de adultério.

O carácter irreverente e apaixonado de Camilo é transposto para a sua obra e reflecte-se no discurso emotivo da guia que nos acompanhou durante a visita, preenchido por curiosidades e histórias espontâneas. A Casa, embora tendo entretanto sofrido um grave incêndio e outras transformações, foi inaugurada como museu em 1958, após obras de requalificação que procuraram recriar uma versão próxima da do tempo de Camilo.

Em 2005 é inaugurado do outro lado da rua, o Centro de Estudos Camilianos, assinado por Álvaro Siza, que vem integrar a Casa num complexo maior, não só do ponto de vista geográfico como cultural, com vista à requalificação de todo o espaço envolvente e à promoção da obra de Camilo Castelo Branco no contexto da Língua e Literatura Portuguesas.

Em 2011 fomos finalmente fazer-lhe uma visita, afinal de contas está aqui tão perto!
Vejam aqui todas as fotos.

Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos
Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos
Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos
Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos
Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos
Casa de Camilo | Centro de Estudos Camilianos
_

Last Saturday, March 16, we celebrated 188 years over the birth of Camilo Castelo Branco and I remembered that I hadn't shared here yet the photos of our visit to Casa de Camilo (House of Camilo), in September 2011.

Camilo Castelo Branco was born in Lisbon in 1825 and after a troubled life and prolific literary production, he ended up committing suicide 65 years later in S. Miguel de Seide, after the confirmation of irreversible blindness caused by syphilis, in the house built by the first husband of Ana Plácido - the most controversial and enduring passion of Camilo, for who he faced jail for the crime of adultery.

The irreverent and passionate character of Camilo is transposed into his work and fills the emotional speech of the guide who accompanied us during the visit, filled with curiosities and apontaneous stories. The House, however despite having suffered a serious fire and other transformations, was opened as a museum in 1958, after upgrading works that sought to recreate a version close to the time of Camilo.

In 2005 it opened across the street, the Centro de Estudos Camilianos, signed by Álvaro Siza, which comes to integrate the House in a larger geographic and cultural complex, envisioning to requalify the entire surroundings and promote the work of Camilo Castelo Branco in the context of Portuguese Literature.

In 2011 we finally went there for a visit, after all it's so near of Porto!
See all the photos here.

2 comments:

  1. uau adorei recordar estas imagens.
    Fui à casa do Camilo ainda o Centro de Estudos estava e construção (como estudante de arquitectura) e fiquei fascinada pela casa e pela conversa que trocamos com a guia.
    Apesar de ser casa-museu, senti que aqueles espaços tinham vida... adorei, mesmo.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Também gostei! E estou a ver que aquela guia fica na memória de todos os visitantes :)
      Beijinhos

      Delete

Ana Pina | blog

All rights reserved | Powered by Blogger

^