Praça das Cardosas

Tuesday, 10 July 2012

Porto | Praça das Cardosas (004)
Porto | Praça das Cardosas (001)
Porto | Praça das Cardosas (002)
Porto | Praça das Cardosas (006)
Porto | Praça das Cardosas (007)Porto | Praça das Cardosas (011)
Porto | Praça das Cardosas (008)
Porto | Praça das Cardosas (009)
Porto | Praça das Cardosas (012)
Porto | Praça das Cardosas (010)

Desde a inauguração do Hotel Intercontinental, em plena Avenida dos Aliados, no Porto, que a contagem decrescente para a abertura ao público da Praça das Cardosas se fazia com alguma curiosidade.

Este espaço privado de uso público, inaugurado no passado dia 5 de Julho, ocupa o miolo de um quarteirão entre as Ruas de Trindade Coelho e das Flores e pretende servir de elemento impulsionador à reabilitação urbana de toda esta área do centro histórico.
A Praça, ainda sem lojas abertas, irá acolher em breve o Porto Welcome Center, uma loja interactiva do Turismo do Porto e do Norte - acção que demonstra a vontade de abrir as portas da cidade aos seus habitantes e ao mundo. Os apartamentos do empreendimento Passeio das Cardosas aguardam ainda a finalização, planeada para Fevereiro do próximo ano.

Esta grande transformação só foi possível devido a uma parceria público-privada entre a SRU e a construtora Lucios.
Custa-me ver os quarteirões recuperados do centro transformados em condomínios de habitação de luxo... mas não vale a pena acreditar que é possível recuperar a cidade através apenas do investimento da Câmara - se é este o caminho para se conseguir que a reabilitação da cidade se concretize, que seja. Esperemos agora que estas acções de fundo sirvam de rede segura a outros investimentos, que, sendo menos ambiciosos, são também eles necessários numa cidade que é feita não só de grandes investidores, mas também de pequenos proprietários e jovens com pouco dinheiro, mas muita vontade de reanimar o centro.
Que esta seja apenas mais uma fase de todo este desejado processo!


Since the opening of Hotel Intercontinental, right in Avenida dos Aliados, in Porto, the countdown for the public opening of Praça das Cardosas was done with some curiosity.

This private space for public use, inaugurated on the 5th of July, occupies the core of a block between the streets Trindade Coelho and Flores, and intends to serve as an impulse to the rehabilitation of this whole area of the historic center.
The Square, still with no stores open, will soon host Porto Welcome Center, an interactive store of Tourism of Porto and North - an action that demonstrates the desire to open the gates of the city to its inhabitants and the world. The apartments of the enterprise Passeio das Cardosas are still awaiting completion, planned for February next year.

This great transformation was only possible due to a public-private partnership between SRU and the constructor Lucios.
I still find a pity that the rehabilitated blocks in the center are transformed into luxury residential complexes... but it's definitely hard to believe that it's possible to recover the city only through public investment - if this is the way to get the rehabilitation of the city done, then let's do it. Let's just hope these actions serve as a safety net to other investments, which, being less ambitious, are also necessary in a city that is made not only of big investors, but also small owners and young people with little money, but eager to make the center regain life.
Let this be just another phase of a much bigger desired process!

5 comments:

  1. só de pensar que deitaram abaixo uma das lojas mais bonitas do centro da cidade, não consigo olhar para estas fotos sem um aperto no coração :(

    ReplyDelete
    Replies
    1. pois, chamam-lhe progresso... é pena que seja necessário fazer opções e que nem sempre pareçam as melhores :/

      Delete
  2. Ainda hoje lá passámos :)

    Custou-me ver tanta loja fechada na baixa, nem fazia ideia da dimensão deste problema.

    Por um lado é bom que estas recuperações existam ( apesar de controversas! ) para o centro da cidade não morrer...

    ReplyDelete
    Replies
    1. Nem fales nas lojas fechadas na baixa... são tantas a fechar! E o pior é que quanto mais tempo os espaços ficarem desocupados mais depressa se degradam, é uma pena... é preciso recuperar o que já existe! Mas para isso acontecer a recuperação tem que ser sustentável, senão serão espaços recuperados mas igualmente vazios, é um ciclo vicioso :/

      Delete
  3. Que o espaço possa ser muito bem aproveitado pelos residentes também. Realmente é uma pena que o progresso tenha que "atropelar" o belo!

    ReplyDelete

Ana Pina | blog All rights reserved
© Blog Milk
Powered by Blogger

^