Rua das Flores

Monday, 6 February 2012

Porto | Rua das Flores (010)
Porto | Rua das Flores (001)Porto | Rua das Flores (005)
Porto | Rua das Flores (002)
Porto | Rua das Flores (003)
Porto | Rua das Flores (004)
Porto | Rua das Flores (006)
Porto | Rua das Flores (007)
Porto | Rua das Flores (008)
Porto | Rua das Flores (009)

No Sábado à tarde percorremos a pé Rua das Flores.
Uma ligação à escala humana entre S. Bento e o Largo de S. Domingos.
Estreita.
Com passeios que obrigam a um constante zigue-zague de sobe e desce se nos cruzamos com alguém.
Estranha calma aparente, escondida atrás do bulício do trânsito de Mouzinho da Silveira.
Algumas transversais que sobem para o miolo esquecido atrás dos Clérigos.
Alguns edifícios bem recuperados.
Algumas fachadas, tantas, que choram, com pena de terem sido abandonadas...
Algumas montras onde apetece parar.
O medo de tropeçar nos paralelos.
Às vezes esquecemo-nos de olhar para cima e quase perdemos a fachada da Igreja da Misericórdia, que mal tem espaço para respirar.
Dizem que será transformada num percurso pedonal.
Fico a sonhar com o dia em que o movimento de pessoas encha as lojas recuperadas e dê nova vida a tantos espaços abandonados cheios de potencial.


On Saturday afternoon we walked along Rua das Flores.
A human scale connection between S. Bento and Largo de S. Domingos.
Narrow.
With sidewalks that require a constant zig-zag of ups and downs if you come across someone.
Strange apparent calm, hidden behind the hustle and bustle of traffic of Mouzinho da Silveira.
Some transverse go up to the forgotten core behind Clérigos.
Some well recovered buildings.
Some facades, too many, that cry, with sorrow for having been abandoned...
Some shop windows where you feel like stopping.
The fear of tripping in the irregular ground.
Sometimes we forget to look up and almost lost the facade of Misericórdia Church, that has barely room to breathe.
They say it will be transformed into a pedestrian street.
I'm dreaming about the day when the movement of people will fill the restored shops and give new life to so many abandoned spaces full of potential.

6 comments:

  1. it looks so beautiful, makes me want to go there with you.. the street of flowers - such a gorgeous name.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Thank you Layla, Porto is really a beautiful city!
      By the way, you have such an inspiring blog! Loved to get to know your photographic work and all the other beauties you share :)

      Delete
  2. :)essa rua já "foi minha".

    talvez ao fim de semana tenha um ar mais abandonado mas durante a semana é percorrida por estudantes da ESAP, que entram nessas lojas e se sentam nos cafés.

    a Igreja da Misericórdia fica no enfiamento da Rua de S. João, seria interessante se essa ligação fosse física e de lá pudéssemos avistar o rio, não achas?

    já não passo lá há algum tempo, que bom recordar através das tuas fotos (deve ser a rua da cidade que conheço mais em pormenor)

    *só mais uma curiosidade. a fachada da igreja é do Nasoni;)

    beijinhos, boa semana

    ReplyDelete
    Replies
    1. Sim, é raro passar por lá durante a semana, mas basta o movimento da faculdade para lhe dar logo outro "ar" :)
      Nunca tinha pensado no enfiamento da Igreja com a Rua de S. João - ainda que tenha sempre reservas no que toca a demolições no centro histórico, seria muito interessante deixar a fachada da Igreja respirar e fazer essa ligação física e visual!
      Beijinhos e boa semana :)

      Delete
  3. O Porto é lindo e é um sobrevivente. Belo passeio:)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Nasci no Porto e sempre morei por aqui, mas quanto mais passeio e fotografo mais me apaixono :)

      Delete

Ana Pina | blog

All rights reserved | Powered by Blogger

^