Solar Collection

0

Friday, 26 June 2015



PT
É um prazer anunciar que é já amanhã que inaugura o espaço Tincal lab - showroom da marca Ana Pina e sede de uma plataforma virtual e atelier de joalharia, que conta com a colaboração de Telma Oliveira (Wek).

Uma das novidades que terei para vos apresentar será o lançamento da nova Solar Collection, uma série de peças de linhas arrojadas, que combinam a articulação de elementos geométricos com a inspiração das curvas que desenham o pôr-do-sol.

Estas e outras peças estarão em exposição com descontos a partir dos 10%!
Estão todos convidados a fazer-nos uma visita e a descobrir mais algumas surpresas que temos para mostrar... estaremos entre as 15h e as 20h, no nº 27 da Rua de Cedofeita, 2º frente, bem perto da Praça Carlos Alberto. Tudo sobre o evento aqui.

EN
I'm happy to announce that it's already tomorrow that opens Tincal lab - showroom of the brand Ana Pina and headquarters of a virtual platform and jewelry atelier, that counts with the collaboration of Telma Oliveira (Wek).

One of the surprises I'll have to present you will be the launch of the new Solar Collection, a series of pieces of bold lines, which combine the articulation of geometric elements with the inspiration of the curves that draw the sunset.

This and other pieces will be with 10% off or more!
You are all invited to pay us a visit and discover a few more surprises we have for you... we'll be from 3pm to 8pm, in the door 27 of Cedofeita Street, 2nd floor front, near Carlos Alberto Square. Everything about the event here.

Tincal lab

0

Thursday, 25 June 2015






PT
Eu avisei que o mês de Junho iria trazer mudanças... em breve irei abraçar uma nova aventura e espero que me acompanhem!

O meu novo espaço de trabalho irá abrir portas no próximo Sábado, dia 27, num segundo andar da Rua de Cedofeita, bem perto da Praça Carlos Alberto, no Porto. Para além de funcionar como showroom da marca Ana Pina, será a sede de Tincal lab, uma plataforma virtual e atelier de joalharia, que conta com a colaboração da Telma Oliveira, responsável pela Wek.

Desejo que este seja um espaço aberto a receber colegas de profissão que procurem um ambiente criativamente estimulante, clientes que desejem conhecer o trabalho ao vivo e amigos que queiram simplesmente dizer olá. Venham conhecê-lo!

EN
I warned that the month of June would bring changes... soon I will embrace a new adventure and I hope you join me!

My new workspace will open doors next Saturday, the 27th, on a second floor of Cedofeita Street, very close to Carlos Alberto Square, in Porto. Besides acting as showroom of Ana Pina brand, it will be the headquarters of Tincal lab, a virtual platform and jewelry atelier that counts with the collaboration of Telma Oliveira, responsible for Wek.

A space open to receive peers who seek a creatively stimulating environment, customers who wish to see the work live and friends who want to simply say hello. Come and pay us a visit!

Bom São João!

0

Tuesday, 23 June 2015



PT
Por aqui estamos em modo festa!
Bom São João para todos! Miau!

EN
Around here the party mode is on!
Happy São João everybody! Miau!

35

6

Wednesday, 17 June 2015



PT
Mais um ano passou. Este ano celebro um número bem redondo: 35.
Tanta coisa mudou nos últimos anos e ao mesmo tempo, sinto que em tanta coisa continuo como sempre fui. Tanta coisa ainda para mudar!

Hoje é dia de celebrar, agradecer a todos os que continuam ao meu lado (mesmo que longe) e sonhar muito também! Por isso hoje decidi partilhar com vocês 35 sonhos de viagem que fui acumulando na lista... sei que muitos são um pouco irrealistas, mas... quem sabe? Sonhar é isso mesmo, certo? Então aqui vai, sonhem um pouco comigo também:

1. Regressar a Paris.
2. Celebrar a passagem de ano em New York.
3. Mascarar-me no Carnaval de Veneza.
4. Percorrer a rota do Transiberiano.
5. Ficar sem respiração ao chegar a Machu Picchu.
6. Visitar o H. na Suiça.
7. Flutuar no Mar Morto.
8. Perder de vista a Grande Muralha da China.
9. Andar de camelo nas areias do deserto.
10. Admirar os fiordes à luz do sol da meia-noite.
11. Viajar numa autocaravana.
12. Entrar na Casa Azul em Coyoacán.
13. Visitar o Museu Dalí em Figueras.
14. Ver a Última Ceia, de DaVinci.
15. Percorrer o Nilo.
16. Tocar o solo sagrado de Hagia Sophia.
17. Ver ao vivo as cores da Índia.
18. Apreciar a vista daquela Ópera famosa do outro lado do mundo.
19. Mergulhar em águas do mar quase transparentes.
20. Marcar uma viagem sem data de regresso.
21. Entrar no escritório de Saramago em Lanzarote.
22. Descobrir ao vivo as diferenças entre as pirâmides de Giza e de Chichén Itzá.
23. Parar em cada uma das Cinque Terre.
24. Visitar todas as Aldeias Históricas de Portugal.
25. Sentir-me chocada no campo de concentração de Auschwitz.
26. Tomar banho na praia deserta, ao luar.
27. Admirar o Rio, do topo do Cristo Redentor.
28. Beber uma caneca de cerveja em Berlim.
29. Comer sushi no Japão.
30. Provar uma iguaria que nem percebo bem o que é, nas barracas da praça Jmaa al Fna.
31. Ver a maré subir no Mont Saint-Michel.
32. Sobrevoar a Capadócia de balão.
33. Ver a neve cair em São Petersburgo.
34. Celebrar a visita de quem partiu no Dia de los Muertos.
35. Ver baleias.

E viagem muito! Sempre, mesmo sem sair do sítio.
Parabéns, a mim :)

EN
Another year's passed. This year I celebrate a good round number: 35.
So much has changed in recent years and at the same time, I feel that in so much I'm still like I ever was. So much still to change!

Today is a day to celebrate, thank all of you who stay beside me (even if far) and daydream a lot too! So today I decided to share with you 35 travel dreams that I keep on my growing list... I know that many are a bit unrealistic, but... who knows? That's what dreams are for, right? So here we go, dream a bit with me too:

1. Return to Paris.
2. Celebrate the New Year in New York.
3. Take part at Carnival of Venice.
4. Take the route of the Trans-Siberian.
5. Running out of breath to get to Machu Picchu.
6. Visit H. in Switzerland.
7. Float in the Dead Sea.
8. Losing sight of the Great Wall of China.
9. Go camel riding in the desert sands.
10. Admire the fjords at midnight sun.
11. Traveling in a motorhome.
12. Enter the Blue House in Coyoacán.
13. Visit the Dalí Museum in Figueras.
14. See the Last Supper by DaVinci.
15. Navigate the Nile.
16. Touch the sacred soil of Hagia Sophia.
17. Admire the colors of India.
18. Enjoy the view of that famous Opera House on the other side of the world.
19. Dive in nearly transparent seawaters.
20. Book a trip without return date.
21. Enter Saramago's office in Lanzarote.
22. Discover live the differences between the pyramids of Giza and of Chichén Itzá.
23. Stop at each of the Cinque Terre.
24. Visit all the historical villages of Portugal.
25. Feel shocked at the Auschwitz concentration camp.
26. Bathe in a deserted beach in the moonlight.
27. Admire Rio from the top of Christ the Redeemer.
28. Drink a mug of beer in Berlin.
29. Eat sushi in Japan.
30. Taste a delicacy that I don't quite understand what it is, in the tents of Jmaa al Fna square.
31. See the tide rise in the Mont Saint-Michel.
32. Fly over Cappadocia in a balloon.
33. Watch the snow fall in St. Petersburg.
34. Celebrate the visit of those who left in Dia de los Muertos.
35. Watch whales.

And travel a lot! Always, even without leaving where you are.
Happy birthday, to me :)

listening out loud // Primavera Sound 2015

0

Monday, 8 June 2015

{listening out loud} Primavera Sound 2015

01. Can't Do Without | Caribou
02. Busy Earnin' | Jungle
03. Nobody's Empire | Belle & Sebastian
04. Trellic | Baxter Dury
05. All The Rage Back Home | Interpol
06. The Box | Damien Rice
07. I Fell In Love With a Dead Boy | Antony & The Johnsons
08. Preface | FKA twiggs

>> press play

PT
E terminou mais uma edição de Primavera Sound no Porto! Fui este ano pela primeira vez e fiquei com a sensação de que para para qualquer fã deste tipo de música o melhor mesmo é comprar o bilhete no início do ano e esperar ser surpreendido - pelos nomes mais conhecidos do cartaz e também pelas novidades que por lá se encontram em tantas horas de bons concertos. 

A idade já não perdoa, por isso tenho noção de que não consegui aproveitar ao máximo tudo o que o festival tem para oferecer, mas mesmo assim foi óptimo poder combinar momentos de sol de toalha sobre a relva ao som de boa música, com concertos em que a vontade de estar presente me levou até mais perto do palco. Antony & The Johnsons e Damien Rice foram os nomes que me convenceram a comprar o bilhete, mas ia também com muita vontade de ver Interpol, Belle & Sebastian, Caribou ou Jungle, por exemplo.
Embora o ruído de fundo tenha prejudicado um momento quase sagrado que exigia o silêncio total, Antony protagonizou, sem dúvida, um dos concertos mais belos do festival. E Damien Rice conseguiu, sozinho, encher o palco, numa das actuações que foi, para mim, das mais emotivas de sempre. Só por isto já teria valido a pena, mas o Primavera Sound foi muito, muito mais - provavelmente um pouco diferente para cada um dos que lá estiveram!

Deixo-vos com uma playlist que reúne alguns dos sons que por lá passaram - é só clicar na imagem ou no link a seguir à lista de músicas, aproveitem!

EN
And it's over another edition of Primavera Sound music festival in Porto! This was my first time and I got the feeling that for any fan of this kind of music you can simply buy the ticket at the beginning of the year and expect to be surprised - by the best known names of the line up and also by the new ones that fill in so many hours of great concerts.

Age doesn't forgive, so I'm aware that I couldn't take full advantage of everything the festival has to offer, but even so it was great to combine sunny moments with my towel on the grass at the sound of good music, with concerts that took me much closer to the stage. Antony & The Johnsons and Damien Rice were the names that convinced me to buy the ticket, but I was also eager to see Interpol, Belle & Sebastian, Caribou or Jungle, for example.
Although the background noise has damaged a bit a moment that should be almost sacred and of total silence, Antony undoubtedly starred one of the most beautiful concerts of the festival. And Damien Rice managed to, alone, fill the stage in one of the most emotional performances ever for me. Just for this it would have been worth it, but Primavera Sound was much, much more - probably a little different for each of the presents!

I leave you with a playlist that brings together some of the sounds of the festival - just click on the image or the link below the song list and enjoy!

Ana Pina | blog All rights reserved
© Blog Milk
Powered by Blogger

^